sexta-feira, 19 de março de 2010










Frozen
Angel







Aliceee
, vai demorar pra sair desse computador? gritava minha mãe!
Já estou indo mamãe.
Sim, eu adorava ficar no computador, porque era muito divertido... Toda noite eu ficava conversando com o menino cujo eu era apaixonada. Seu nome era Conde Cain todos os chamavam assim!
Ele me salvou de um pesadelo...Meu pai era dono do maior teatro da cidade. Um dia o teatro pegou fogo muitos morreram e eu estava lá, Mas conde Cain me salvou a tempo.
Meu pai Morreu junto com o teatro que ele amava que virou pó.
As vezes quando fecho os olhos, vejo o dia em que fui em seu velório, as pessoas me encaravam como se eu fosse culpada, e saído viva. E a única coisa que lembro do acidente foi os olhos do Conde Cain e gritos, gritos de terror entrando e saindo dos meus ouvidos.
BOA NOITE, CONDE CAIN!
Filha, você dormiu sentada no computadorrr?
ó meu deus, eu não me lembro.. pensei.
hahaha, minha mãe ria.
Vá se trocar você tem escola!
AAAAH A ESCOLAAA! me ataquei na cama e coloquei o travesseiro na cabeça.
Mãe? posso não ir a escola hoje? não estou me sentindo bem!!
Alice, então me prometa e vai sair deste computador mais cedo!
Está bem....
Quero ir no teatro. Mas porque esta vontade?
desci as escadas descalça, estava um dia frio. Meus pés estavam congelado!
Caminhei até a porta, e sai de casa! eu estava de pijama e já não sentia meus pés... Minhas pernas estavam doendo, mas algo fazia eu ir até o teatro.
O teatro era na esquina de casa. Ao atravessar a rua ouvi alguém gritar:
- CUIDADO GAROTA!
mas já era tarde, eu estava caída no chão, não estava entendendo nada, apenas senti alguém me carregar e depois tudo escureceu.
Aonde estou? o que aconteceu? sussurrei.
ó meu deuuus! gritei.
você foi atropelada.
Coconde Caiinn? gaguejei.
Ele se aproximava..
Já não está cansada de viver? ele perguntou.
Cansada de viver? pensei
Ele sentou do meu lado segurando minha cabeça e a inclinando um pouco pro lado. Eu estava deitada e meio tonta.
Não estou cansada de viver, quero viver com você!
ó o que eu fiz? mostrei meus sentimentos por ele?
Viver comigo? pra sempre? ele falava com uma voz profunda e apaixonada.
Sim...respondi, silenciosamente
E então quando olhei em seus olhos, ele virou meu pescoço e afundou seus dentes!
Condeee Cainn gaguejei.
CONDE CAIN é um VAMPIRO?
me soltaaa, gritei sem forças de me mexer.
Algo fervia dentro de mim.
fechei os olhos sem forças e senti algo gelado em meus lábios. Sim, era o beijo do meu anjo congelado.



Fim....

10 comentários:

  1. Pqp, ficou mto foda!
    Vc vai terminar o livro?

    ResponderExcluir
  2. hauhauhau' eu já terminei ele, só não quero postar!

    ResponderExcluir
  3. lindoo fodastico *-*'

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. uaau, esse negocio de 'viver comigo ? pra sempre ?' da uma primeira impressão de fic infantil e bobinha, mas depois que ele mostra o motivo do 'sempre'... adorei, ta muito boa *O*

    ResponderExcluir
  6. Poxa, viajei lgl com esse texto, me senti na trama.
    PERFEITO!!!

    ResponderExcluir
  7. muitooo bom betaa, parabéns ^^

    ResponderExcluir
  8. WOW,Muito Bom Beta,Eu Brizei na historia

    Tudo Que vc escreve Fica Muito Phoda!

    ResponderExcluir
  9. Vc mandou bem.. gostei do texto!
    Continue escrevendo!
    Bjo lindona!

    ResponderExcluir